Não queria assim

Aqueles dias pareciam estranhos. Ela não entendia o verão como praia, o bronzeado perfeito ou a luta contra o tempo pelos melhores resultados no corpo para o carnaval do próximo ano. As férias chegavam. Era tempo de acordar mais tarde, de ir ao cinema, praia, de ganhar uma corzinha, sair com as amigas… Mas ela, não entendia  assim! Não queria assim! Pois é. Na verdade, ela tinha medo das coisas. Qualquer um acharia isso estranho, e o era! Mesmo para ela. Tudo o que ela tinha passado, por todo o ano agora a assustava. Despertava uma certa desconfiança, das coisas, das pessoas… Ela queria estar só. Mesmo que acompanhada, queria apenas observar e provar para si que aquela sensação a deixaria em breve.

Ouvindo: Teatro dos vampiros

“Acho que não sei quem sou, só sei do que não gosto”

“O que é demais nunca é o bastante”

Uma resposta to “Não queria assim”

  1. Esse é o nosso Mundo… oq é demais nunca é o bastante…

    Fééééérias… *–*

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: